Decoração minimalista: conheça o estilo cheio de gosto e eficiência!

A tendência minimalista está presente em muitos projetos de design. Isso porque a simplicidade e elegância desse estilo têm, cada vez mais, caído na graça das pessoas em diferentes aspectos — decoração, produtos eletrônicos, arquitetura de casas, etc. 

Na decoração minimalista, menos é mais. Por isso, antes de tudo, é preciso conhecer o conceito para aderi-lo de forma eficiente. Quer ver como esse estilo pode deixar sua casa ainda mais charmosa e com um visual clean incrível? Continue a leitura!

O surgimento da decoração minimalista

O movimento artístico e cultural minimalista surgiu na década de 60, nos Estados Unidos, em que a ideia era usar apenas elementos fundamentais como meio de expressão. É um estilo que dispensa excessos e foca no essencial. 

O conceito minimalista diz respeito à organização, funcionalidade e necessidade. Adotá-lo significa abrir mão de exageros e manter apenas o indispensável e realmente importante à rotina de cada pessoa. 

A arte de decorar com pouco

A principal característica da decoração minimalista é o planejamento. Por isso, para começar, é preciso analisar o que está “sobrando” dentro de casa e reorganizar o que é fundamental. Faça uma lista dos itens de cada cômodo e analise sua funcionalidade e a necessidade de continuar com cada um. 

O mesmo vale para o momento da compra. É preciso planejar a utilidade e qualidade do que se compra para que o investimento tenha um valor verdadeiro. Assim, você evita acumular objetos que usa esporadicamente e só ocupam espaço, além de não precisar comprar um semelhante tão cedo. 

Isso está relacionado ao impulso de compras e, fazendo essa análise antes da aquisição, você perceberá uma economia em longo prazo. 

As vantagens da decoração minimalista

Como citada no tópico anterior, a economia é uma das grandes vantagens da decoração minimalista, porque ao aderir a esse estilo, você comprará apenas o necessário e itens de qualidade. Ou seja, você diminuirá o impulso de compra e, antes de adquirir um novo item, fará uma análise da real necessidade de levá-lo para casa.

Lembre-se também de que quanto menos objetos acumulados e em excesso, menos tempo você terá de gastar limpando-os e arrumando-os, o que significa mais tempo para ficar com a família ou amigos e se divertir.

Outra vantagem dessa tendência é a de otimizar (e muito bem) ambientes pequenos. Na decoração minimalista, que oferece uma boa iluminação, organização e elegância, os ambientes pequenos são valorizados. 

Aplicando o minimalismo nos ambientes

O minimalismo deixa os ambientes da casa com aspecto clean. Por isso, para uma decoração minimalista, prefira janelas simples e amplas que forneçam boa luz natural e aplique tons neutros e claros nas paredes, como cinza, branco e bege, para melhorar a sensação de claridade. Além disso, invista em móveis simples e funcionais.

Mas não pense que, ao aderir ao estilo minimalista, os espaços da casa ficarão sem graça. Você pode dar destaque a determinados elementos utilizando uma cor diferente ou colocando um acessório de decoração em evidência. Basta ter em mente que a simplicidade também é sinônimo de elegância e sofisticação para reorganizar seu lar e deixá-lo ainda mais prático e funcional.

Gostou de conhecer um pouco mais sobre decoração minimalista? Agora saiba também como escolher as cadeiras certas para sala de três ambientes

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *