5 desafios para decorar ambientes pequenos

A população cresce e as moradias diminuem de tamanho. Seguindo uma tendência mundial, os apartamentos estão cada vez menores. Em São Paulo, cidade mais populosa do Brasil, já existem plantas de 18m², a exemplo do que ocorre em outras capitais mundiais, como Tóquio, no Japão.

Por isso, muitos arquitetos e decoradores enfrentam muitos desafios para decorar ambientes pequenos. E você, já enfrentou esses desafios? Sabe quais são eles? A seguir, listamos alguns deles e como solucioná-los. 

1. Definir os móveis

Quando o espaço é pequeno, o ideal é ser minimalista. Livre-se de tudo o que você não usa. Escolha poucos móveis, com linhas retas, que ocupam menos espaço. Assim, o local já vai parecer mais amplo.

O mesmo móvel também pode ter mais de uma função, como uma mesa de refeições que vira mesa de trabalho ou uma cama com baú. Aproveite cada cantinho com móveis pré-moldados ou feitos sob medida. O investimento compensa.

2. Escolher as cores certas

Nem sempre é fácil abrir mão das cores preferidas na decoração, mas procure escolher tons mais claros, que ampliam o ambiente. Melhor ainda se puder optar por uma cor só nas paredes e no mobiliário.

Tintas com acabamento brilhante ajudam a criar a sensação de maior espaço. Deixe o colorido para os detalhes, como almofadas, tapetes, luminárias e quadros. 

3. Adaptar o ambiente à luz

Para parecer maior, o ambiente precisa ser bem iluminado. A luz natural é a mais indicada. Por isso, evite pendurar cortinas, mas se não conseguir abrir mão delas, use um tecido leve e semitransparente.

Procure retirar portas e paredes desnecessárias. Se o lugar não for privilegiado pela posição solar, use iluminação artificial indireta, destacando cantos e objetos, e criando um efeito de luz e sombra.

4. Refletir para ampliar

Decorar com espelhos pode ser bastante desafiador, mas é também um ótimo truque para ampliar espaços. Você pode usá-los em paredes inteiras, no teto, aplicá-los em portas e armários ou criar uma composição delicada com vários modelos pequenos.

Eles são interessantes e podem dobrar a profundidade de salas, quartos, corredores e até de banheiros. Cuidado apenas quando for usar mais de um espelho em paredes diferentes, para que um não reflita o outro. 

5. Distribuir os eletroeletrônicos

Em apartamentos pequenos, alguns ambientes costumam ser integrados, como quarto e sala e/ou cozinha. Nos conceitos abertos, além de manter tudo organizado, é interessante optar por eletrodomésticos com design diferenciado, que façam parte da decoração. O mercado está cheio deles.

Na cozinha, se possível, opte por fogões e lavadoras de louça embutidos. A TV pode ser pendurada ou fixada em um suporte e aparelhos de som podem ser usados como objetos decorativos também.

Instrumentos musicais podem ficar muito interessantes em suportes apropriados. Aproveite para integrá-los à decoração.

Há muitos outros desafios para quem precisa decorar ambientes pequenos que envolvem saber organizar e manter tudo em ordem. Faça revisões periódicas para descartar a tralha e tenha um estilo de vida mais simples.

Esperamos que estas dicas tenham ajudado. Se você gostou, siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram. Lá tem muito mais!

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *