4 itens que não podem faltar na decoração do quarto montessoriano

4 itens que não podem faltar na decoração do quarto montessoriano

Você já deve ter ouvido falar sobre a decoração do quarto montessoriano e das tendências na composição dos espaços quando se trata do assunto, certo? Mas será que você sabe como surgiu esse estilo?

Tudo começou com a médica e educadora italiana Maria Montessori que, por volta de 1907, criou uma metodologia de ensino com o intuito de estimular a criatividade, a autonomia e a autoeducação das crianças.

Para tanto, o seu método indica que os ambientes devem ser adaptados para os pequenos, posicionando desde os móveis até os objetos decorativos na altura deles. Assim, tudo fica estruturado não com a ótica do adulto, mas sim a da criança.

Essa linha de pensamento tornou-se bastante famosa, especialmente nos últimos anos, graças a arquitetos e decoradores que têm buscado imprimir essa filosofia em diversos lares. Por esse motivo, reunimos 4 dicas de itens que não podem faltar na sua decoração. Confira!

1. Estímulos por meio dos espelhos

Os espelhos têm um papel muito interessante na proposta Montessori. Isso porque, nos primeiros anos de vida, a criança está no processo de descobrimento do mundo, e os aspectos sensoriais, como a visão, são muito importantes nessa fase.

Portanto, o espelho ajuda os pequenos a se conhecerem melhor e a aprenderem a distinguir rostos diferentes do seu e da sua mãe. Porém, é importante lembrar que para a segurança dos pequenos, o espelho deve ser de acrílico e estar bem fixado na parede.

2. Cores na decoração do quarto montessoriano

A decoração do quarto montessoriano privilegia espaços minimalistas para que a criança desenvolva sua capacidade de se concentrar e a sua atenção. Por isso, o branco, o cinza, o quartzo rosa e os tons pastéis são as principais cores para o ambiente, por deixá-los mais suaves, calmos e relaxantes.

Contudo, os acessórios e itens decorativos podem usar e abusar das cores para quebrar o padrão delicado nas paredes e estimular a criatividade e a percepção cognitiva dos pequenos.

3. Colchão no chão

Nada de berços ou camas altas. Na linha montessoriana, os colchões ficam sobre o chão ou sobre um estrado. Essa mudança oferece mais liberdade e autonomia para as crianças, que podem deitar e se levantar quando quiserem, sem precisar de ajuda dos pais ou de terceiros.

Além disso, a altura rebaixada da cama permite que os filhotes possam explorar todo o ambiente, melhorando sua coordenação motora e ampliando sua noção de espaço. Se quiser, você pode incrementar o dormitório com futons, cadeiras e pufes coloridos.

4. Brinquedos ao alcance das crianças

Em um quarto com a filosofia Montessori, os brinquedos devem sempre estar ao alcance das crianças, contudo, de forma organizada — em prateleiras, por exemplo. Assim, elas podem explorá-los sempre que quiser e também aprender a arrumá-los.

O ideal é que a quantidade seja pequena não apenas para evitar acúmulo de objetos, como também para permitir uma rotação desses itens, diversificando sempre a escolha da criança.

A decoração do quarto montessoriano é uma oportunidade única dos pais estimularem o aprendizado dos seus filhos, permitindo que eles estejam livres e explorando as coisas que estão ao seu alcance dentro do seu dormitório.

E se você gostou de saber mais sobre esse estilo de decoração, aproveite parar curtir a nossa página no Facebook, e fique por dentro de outras tendências que vão renovar a sua casa!

Share Button

Deixe uma resposta

Fechar Menu